PSOL Santos

[Serra nomeia envolvido no massacre do Carandiru para Itamaraty]
Início | Notícias | #ForaTemer

Serra nomeia envolvido no massacre do Carandiru para Itamaraty

O desprezo pelos direitos humanos mostrado pelo governo golpista de Michel Temer já revelou sua essência quando não nomeou nenhuma mulher no ministério, negociou sua chegada ao poder com a bancada fundamentalista, colocou no Ministério da Justiça alguém que não esconde sua veia autoritária e repressiva.

José Serra, que foi presidente da UNE em 1964 e opositor da ditadura militar, resolveu aprofundar a marca da aversão aos direitos humanos ao nomear Hídeo Augusto Dendini, capitão reformado da PM de São Paulo, que atuou em um dos maiores massacres promovidos pelo Estado brasileiro, a chacina do Carandiru. Na ocasião, 111 presos, oficialmente, foram mortos.

Levado ao banco dos réus, Hídeo foi absolvido. Depois de ter saído da corporação, o ex-capitão trabalhou com Serra como assessor no Senado Federal. Agora, assume o posto de assessor especial, em caráter transitório. As informações foram divulgadas pelo portal A Ponte.

É muito lamentável ver o desenvolvimento do atual governo. Tendo assumido após um golpe parlamentar, passou a desenvolver políticas antipopulares, antinacionais e autoritárias. José Serra, quem teve uma trajetória próxima dos direitos humanos, ao nomear alguém envolvido num dos piores episódios recentes do país, demonstra o grau de retrocesso que vivemos. Esse alguém envolvido na chacina comporá a equipe de representantes oficiais do Brasil no exterior. Lastimável.

Fonte: #Mandato Ivan Valente PSOL‬
[Voltar ao topo]