PSOL Santos

[PSOL Santos elege nova direção e convoca toda militância para o 8 de Março]
Início | Notícias | Eleição de nova direção do PSOL Santos Comunicação

PSOL Santos elege nova direção e convoca toda militância para o 8 de Março

Por Direção PSOL Santos

Na tarde do último dia 16 de fevereiro, o PSOL Santos renovou sua direção em plenária realizada na sede do Sindicato dos Bancários. Apesar da forte chuva que se abateu sobre a região, a participação dos filiados e filiadas foi expressiva.

Duas chapas se inscreveram para conduzir a legenda pelos próximos dois anos. Formada pelas correntes Fortalecer o PSOL, LSR (Liberdade, Socialismo e Revolução) e Resistência, a chapa 1 venceu o pleito contra a chapa 2, encabeçada por 1 de Maio e Comuna.

A plenária também debateu a atual conjuntura com as forças políticas que constroem o PSOL Santos. O balanço das eleições 2018 ficou sob responsabilidade de Débora Camilo, Fábio Mello e Heric Moura, que disputaram uma vaga no Congresso Nacional pelo partido.

Eleita por ampla maioria de votos, a nova direção tem como uma de suas principais missões a defesa da mais ampla unidade. Nas ruas, locais de trabalho e de estudo, para construir a necessária resistência com todos aqueles dispostos a barrar a ofensiva reacionária e ultraliberal do governo Bolsonaro. E também a unidade partidária, incluída aí a manutenção da aliança com MTST, APIB e Mídia Ninja, para fortalecer a construção de uma alternativa de esquerda no país.

Primeiros passos

Na terça-feira (19), três dias após ser eleita, a nova direção do PSOL Santos se reuniu para organizar o partido e orientar a militância sobre as tarefas mais urgentes deste período. A indicação é que todo partido jogue peso na construção do 8 de Março - Dia Internacional da Mulher Trabalhadora.

Em Santos, há mais de um mês o ato vem sendo articulado por diversas organizações e ativistas, sendo as mulheres do PSOL parte importante e ativa deste processo. Neste ano, o ato será realizado com o tema "Pela vida das mulheres, contra a reforma da previdência e a retirada de direitos". Marielle Franco, cujo assassinato completa um ano no dia 14 de março, será homenageada. A pergunta até hoje não respondida voltará com força às ruas de todo país: quem matou Marielle Franco e Anderson?

Em breve, mais informações sobre local e horário do ato será disponibilizado pela organização.

Construção coletiva

No primeiro encontro da nova direção, ficou definido que reuniões ampliadas com toda a base do partido serão realizadas bimestralmente, garantindo um espaço permanente e regular de elaboração política.

Além disso, estão previstas até o final do ano duas plenárias temáticas. O objetivo, neste caso, é pautar e aprofundar o debate sobre a atuação do partido em temas estratégicos. Um deles, por exemplo, refere-se ao programa do PSOL para a cidade. Afinal, além das pautas nacionais, é preciso se debruçar sobre os problemas que cotidianamente afetam a vida da população santista.

A partir dessas iniciativas, o objetivo é fortalecer os espaços coletivos de discussão e resolução do partido. Por isso, a participação e colaboração de toda militância será fundament para que as tarefas desta difícil conjuntura sejam cumpridas com êxito.

Com periodicidade mensal, a próxima reunião da direção será no dia 26 de março. Para acompanhar as ações do partido na cidade, siga nossa página no Facebook (PSOL Santos) e acesse nosso site (inserir endereço). Em breve, também retomaremos o contato via e-mail com toda militância e simpatizantes do PSOL, sendo estes os canais de comunicação oficiais do PSOL Santos.

Galeria de fotos do Fortalecer:

[Voltar ao topo]